sábado, 9 de novembro de 2013

Básico

Bem, não sei se existe uma receita original, uma receita cujo resultado possamos propriamente chamar de "bruschetta". Mas sei (mais ou menos...) que o alho não vai misturado ao tomate. Parece que ele deve ser esfregado na fatia de pão. Eu não faço assim. Eu o acrescento à mistura que vai em cima do pão. Outra coisa que eu não sei é sobre o queijo. Leva mesmo queijo? E se leva (ou se é permitido levar), qual o melhor queijo?

Bom, não tenho muitas certezas. Só sei, na minha opinião, que estamos falando aqui da mistura dos mais saborosos alimentos do mundo: por favor, uma receita com pão francês, tomate, queijo, alho sal, pimenta-do-reino, azeite e manjericão, não pode ficar ruim de jeito nenhum! (Se você conseguir deixar ruim qualquer receita que leve apenas esses ingredientes, eu aconselho transformar sua cozinha em um quarto para hóspedes!).


Não há mistério. E talvez seja por isso que o negócio fique ainda melhor do que se espera! Pique tomates maduros e queijo de sua preferência (eu usei o que havia na geladeira, queijo minas) e misture com manjericão, alho e azeite. Tempere com sal e pimenta. Ponha a mistura sobre fatias de pão francês e leve ao forno médio, pré-aquecido, por 10-12 minutos. Pronto!


Pensou logo em um vinhozinho, não foi? É o óbvio. Mas, se o queijo for forte e você der aquela caprichada na pimenta-do-reino, a bruschetta vai bem e lindamente com uma boa cerveja!

Agora vamos a um filminho para fechar a noite...


Nenhum comentário:

Postar um comentário